HISTÓRICO

Criada em 1º de junho de 1996, a RODOLATINA foi fundada na cidade de Cascavel (PR), tendo atuado inicialmente no mercado de cargas gerais e de transporte de gás. No mesmo ano, com a aquisição da primeira carreta-silo, passou a atuar no transporte de cimento a granel, realizando toda a logística e transporte do produto para a Usina Hidrelétrica de Salto Caxias, no município de Capitão Leônidas Marques (PR), tendo se especializado nesse ramo a partir de então.

Em 1998, a RODOLATINA diversificou e passou a atuar com logística e transporte internacional para Argentina, Paraguai, Chile e Bolívia, em uma joint-venture realizada com a empresa francesa CatLog, para efetuar o transporte de componentes de autopeças da fábrica da Renault, em São José dos Pinhais (PR), para as demais unidades da montadora no MERCOSUL.

Desde 2001, a Rodolatina vem cumprindo um planejamento estratégico que a levou a líder de mercado em seu segmento. A qualidade e complexidade dos serviços prestados em muito auxiliou a atingir essa posição.

Em função do ganho de mercado obtido pela Rodolatina, bem como do crescimento da demanda nacional por cimento, o qual vem em trajetória crescente desde 2002, a empresa passou a ampliar sua frota até chegar ao patamar atual de 450 conjuntos em operação.

No ano de 2006, a transportadora deu um importante passo, ampliando sua frota de 82 conjuntos bi-trens para 132, com acréscimo de 50 novos conjuntos da mesma categoria para transporte de cimento a granel. Esse investimento foi realizado com apoio financeiro do BNDES.

Desde então, o crescimento de frota veio se pautando em operações realizadas por meio do BNDES. Em 2008, entretanto, a empresa realizou a aquisição dos ativos de três transportadoras concorrentes (Transportadora Batista Duarte, Vamtec Logística e Rodo Raça Transportes), tendo incorporado à sua operação os veículos e os contratos que eram atendidos pelas três empresas citadas. Esses últimos investimentos foram feitos com recursos próprios e lançaram a Rodolatina ao patamar atual, o qual é de 23% do market share do transporte e da logística de cimento a granel do país.

Hoje, a Rodolatina oferece soluções logísticas para todos os principais grupos cimenteiros do país (Camargo Corrêa, Votorantim, Holcim, Lafarge, Soeicom, Cimento Liz, Itambé, entre outros), para as principais concreteiras (Supermix, Engemix, Constroeste, Polimix, além de outras), para as maiores fábricas de fibrocimento (Brasilit, Isdralit, Eternit, Quartzolit, Infibra, Permatex etc.), bem como para os consórcios construtores das grandes obras brasileiras (Rodoanel-SP, Usina Hidrelétrica de Estreito-MA, Usina Hidrelétrica Águas do Chapecó-SC, Linha Verde Curitiba-PR, Linha Verde Belo Horizonte-MG, Metrô de São Paulo-SP), que estão enquadradas no planejamento estratégico nacional de investimento em infra-estrutura.

Para atender com excelência esse clientes, a frota atual de 450 conjuntos (cavalos mecânicos com carretas silo, basculantes ou cargas secas) novos, com no máximo 2 anos de uso, está sendo administrada através da matriz, sediada em Curitiba, e mais doze filiais, todas elas localizadas estrategicamente próximas de fábricas de cimento.


Caminhão Rodolatina